Welcome to Magazine Premium

You can change this text in the options panel in the admin

There are tons of ways to configure Magazine Premium... The possibilities are endless!

Member Login
Lost your password?

Memorial descritivo de obra

 
  

Este documento é anexo dos contratos de compra e venda na planta e em construção e descreve o que está sendo comprado, seguindo norma técnica da ABNT. Para efetuarmos a compra de imóvel na planta, devemos nos certificar de que o incorporador possui este documento arquivado no Registro de Imóveis.  Precisam constar do memorial a metragem da área útil e de uso comum, a localização da vaga na garagem, os acabamentos e sua qualidade com a especificação de fabricantes ou marca dos materiais.  Segue abaixo um modelo de Memorial:

Memorial descritivo de obra – Modelo de documento

Informações Cartográficas que deverão constar na planta e memorial descritivo do imóvel, em conformidade com ABNT, NBR 13133 de 30.06.94 é necessário consultar ainda Decreto no. 89817 de 20.06.84, Instruções Reguladoras das Normas Técnicas da Cartografia Nacional, quanto aos padrões de exatidão, NBR’s complementares e; Lei 10.267 de 28.08.01 que Institui o Sistema Público de Registros de Terras ,e Decreto  4449 de 30 de outubro de 2002 , DOU de 31/10/2002.

Na planta:

Legenda padrão contendo:

1 – Formato de acordo com a Norma da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas), linha de corte com 210 x 297, ( vide anexo folha quatro);

  • Campo um
  1. Cabeçalho descrevendo tipo de levantamento – Planimétrico e ou Planialtimétrico e folha n °.
  • Campo dois

  1. Nome do Imóvel;
  2. Nome do Proprietário
  3. Código do Imóvel
  4. Transcrições e ou matrículas;
  5. Município, Comarca e Estado;
  6. Área do imóvel e perímetro
  7. Data da elaboração dos Trabalhos;
  8. Escala;
  • Campo três
  1. Descrição e somatória das áreas ( Reservas Legal, Pres. Permanente, Estradas ) etc.;
  • Campo quatro:
  1. Assinatura do Proprietário;
  2. Assinatura do Resp. Técnico, contendo CREA e qualificação profissional

  • Campo cinco
  1. Espaço que deverá estar livre para apor carimbos, registros e assinaturas de órgãos oficiais.

Quadro de convenções:

Quadro das convenções topográficas e sinais convencionais, colocados acima da legenda contendo:

  • Norte quadrícula , indicado na parte superior e a direita da planta;
  • Norte verdadeiro, indicado na parte superior  e a direita da planta
  • Convergência Meridiana – Centro da planta ou área considerada;
  • Datum Horizontal e Meridiano Central;
  • Convenções Topográficas;
  • Sinais Convencionais;
  • Situação do Imóvel etc.;

Prjeções ortogonai contendo:

  • Na elaboração da planta, descrever as coordenadas no Sistema UTM ( Universal Transverso de Mercator ) de todos os vértices do perímetro do imóvel ou quadro discriminando pontos ou marcos com as respectivas coordenadas;
  • A Planta e o Memorial, deverão ser apresentados em tres vias impressas,  juntamente com um disquete no formato DGN, DWG ou DXF da planta;
  • Escala da planta deverá ser apresentada em múltiplos de 100;  200; 250 e 500;
  • Quando não for possível descrever os elementos técnicos de cada lado do imóvel, faze-lo em quadro a parte;

No Memorial Descritivo:

Cabeçalho contendo:

  • Propriedade;  Proprietário;  Município;  Comarca;  Área; Perímetro; Transcrição e ou matricula do imóvel.

Descrição do perímetro contendo:

  • Descrição e Localização do ponto inicial, com as respectivas coordenadas Referenciada ao Sistema Geodésico Brasileiro, no sistema UTM, bem como Meridiano Central e Datum Horizontal SAD 69 (Oficial – IBGE).
  • Descrever as confrontações, conforme desenvolvimento da descrição do perímetro do imóvel, não sendo necessário repetir o confrontante em comum a cada lado de desenvolvimento;
  • A descrição deverá conter azimutes, seguido das respectivas distâncias e coordenadas N e E, no Sistema UTM dos respectivos vértices, separando cada lado descrito por ponto e virgula ( ; );
  • Ao término da descrição do perímetro, informar a área em Hectares com 4 casas decimais. ex. O perímetro acima descrito, encerra uma área de  n,nnnn ha.;
  • A descrição do perímetro principal ou do imóvel propriamente dito, deverá estar em folhas distintas com assinatura somente do técnico responsável, seguido da qualificação profissional e CREA;
  • A descrição de áreas internas, tais como áreas de preservação permanente, de reserva legal e outras, poderá ser de modo corrente, ou sequêncial com uma única assinatura do responsável técnico no final, assinatura esta, aos moldes do item 5;

Relatório técnico:

  • Relatório Técnico detalhado dos trabalhos executados contendo informações sobre metodologia  e ainda:  Objeto: Finalidade; Período de Execução; Localização; Origem (datum); Ocupantes Proprietários ; Descrição dos Serviços Executados ,(inclusive o georreferenciamento); Precisões Obtidas;  Quantidades Realizadas ; Relação de Equipamentos; Equipe Técnica e finalmente Documentos Produzidos.

A. R. T. – Anotação de Responsabilidade Técnica.

  • O responsável técnico, deverá apresentar a respectiva A.R.T. no original, conforme Área ou campo de Atuação, ou seja no campo 4 item 04, para trabalhos executados por Engenheiros Agrimensores;  item 06, para trabalhos executados por Engenheiros Cartógrafos, ou Engenheiros com formação Acadêmica em Geodesia, tudo de acordo com as atribuições específicas de cada área;
  • Na A. R. T., campo 17 (modelo novo), deverá descrever todo trabalho inerente à aquela anotação, ou seja o trabalho em si e as peças técnicas elaboradas;

OBS. Importante : Os serviços/obras , devem corresponder às atribuições do profissional responsável,  às mesmas que estão anotados na sua carteira emitida pelo CREA de sua jurisdição, sob pena de nulidade da ART, conforme artigo 9 , inciso II da Resolução 425/98 do CONFEA.

Poderá o INCRA, a qualquer tempo, promover vistorias e checar tais declarações sobre a veracidade das informações prestadas e do requerido, bem como solicitar ao CREA, informação sobre atribuições da área do profissional responsável.

Tags: , , ,

One Response to Memorial descritivo de obra

  1. [...] construtora, veja se o empreendimento tem registro de incorporação no Registro de Imóveis, com memorial descritivo, certifique-se da inexistência de hipoteca em relação ao imóvel e se esclareça a respeito dos [...]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


Central Blogs